Numa época em que o conhecimento científico está sob ataque e em que dados de origem duvidosa permeiam o debate público, conversamos com o Alexandre Camargo (PPGSP-UCAM) sobre estatísticas e políticas públicas. Entenda como a estatística é uma ciência fundamental na construção do estado moderno e o que está em disputa por atrás de indicadores e categorias estatísticas.

Para apoiar o Chutando a Escada, acesse chutandoaescada.com.br/apoio

Comentários, críticas, sugestões, indicações ou dúvidas existenciais, escreva pra gente em perguntas@chutandoaescada.com.br

Participaram deste episódio:
Filipe Mendonça – twitter.com/filipeamendonca
Geraldo Zahran – twitter.com/gnz20
Alexandre Camargo – (contato)

Divulgação:
-Fundo de emergência para Sem-Tetos afetados pelo coronavírus – http://vaka.me/947032

Olha o Alexandre na mídia:

Igualar empregos formal e informal em estatísticas oficiais é manipulação para mostrar governo eficaz, diz especialista, RFI, 15/01/2020

E algumas referências mais acadêmicas:

-BESSON, Jean-Louis (org.). A ilusão das estatísticas. São Paulo: Unesp, 1995.
-CAMARGO, Alexandre de Paiva Rio. A construção da medida comum: estatística e política de população no Império e na Primeira República. Tese de Doutorado em Sociologia. Instituto de Estudos Sociais e Políticos. Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro, 2016.
-CAMARGO, Alexandre de Paiva Rio. Dimensões da nação: uma análise do discurso estatístico da Diretoria Geral de Estatística (1872-1930). Revista Brasileira de Ciências Sociais, v. 30, n. 87, p. 79-97, 2015.
-DANIEL, Claudia. La sociologia de las estadísticas: aportes y enfoques recientes. Contenido: cultura y ciencias sociales. n 7, p. 3-24, 2017.
-DESROSIÈRES, Alain. Pour une sociologie historique de la quantification: l´argument statistique I. Paris: Presses de l’École des Mines, 2008.
-DIDIER, Emmanuel; BRUNO, Isabelle (orgs.). Statactivisme: comment lutter avec des nombres. Paris: La Découverte, 2014.

Trilha sonora:
-Badfinger, Baby Blue
-Bill Withers, Ain’t No Sunshine
-Bill Withers, Lean On Me
-Pearl Jam, Dance of the Clairvoyants
-Engenheiros do Hawaii, Números

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *